Juntos fazemos o bem!

AEBVB

Mensagem - Maio/2012

Então nossa boca se encheu de riso e a nossa língua de cânticos.

Grandes coisas fez o Senhor por nós.

(Salmos 126.2a – 3a)

 

No Centro Comunitário Vou Vencer desenvolvemos várias atividades para crianças, adolescentes, jovens e famílias.

Uma dessas atividades é o Encontro de Famílias.  Nesse dia, todos colocam suas roupas de passeio e vão chegando, barulhentos e na expectativa de participar de momentos especiais. Ouvem seus filhos cantar, assistem a dança bem preparada e ensaiada ao som do Hip-Hop. Recebem a palavra bíblica e ao final, participam de um delicioso lanche e do bolo dos aniversariantes do mês, normalmente recheado com nozes e doce de leite, que é a grande preferência.

Uma outra atividade é o Programa Adolescente Aprendiz, que teve início em 2011 e  oferece aos adolescentes capacitação profissional e a  inserção no primeiro emprego,  de acordo com a Lei de Aprendizagem (10.097/2000).  A primeira turma foi composta por 35 alunos, distribuídos em duas turmas, manhã e tarde.

Desses, conseguimos inserir no final de 2011, três adolescentes no primeiro emprego, em empresas da região. Realizamos um evento onde a empresa empregadora, o Vale da Bênção e os adolescentes, Jeniane (16 anos), Murilo (16 anos) e Letícia (18 anos) acompanhados de suas famílias, compareceram para a assinatura do Contrato de Trabalho.

Eles haviam terminado o curso preparatório com muito êxito e estavam inaugurando sua vida profissional com salário mensal, Carteira de Trabalho assinada e a garantia do acompanhamento por parte do Vale da Bênção por dois anos. 

Há uma mês, inserimos mais quatro adolescentes em empresas da região: Amandio (17 anos), Cássio (18 anos), Fabiana (16 anos), e Joabe (16 anos), que   passaram pelo mesmo processo do curso preparatório.

Senti-me muito emocionada ao ver esses jovens tendo uma oportunidade de trabalho. Fiquei muito feliz ao ouvir o relato de uma das representantes das empresas que assinou o contrato, que também havia sido recebida na empresa em que trabalha como adolescente aprendiz.

Fabiana, que já está trabalhando numa empresa de alimentos, é uma das adolescentes acolhidas na Cidade da Criança, no Vale da Bênção. Ela possui um histórico de abandono por parte dos seus pais biológicos; por isso, o Juiz da Vara da Infância encaminhou seu caso para nós. Ela tem tido bons resultados no seu primeiro emprego.

Cássio é filho de pais separados. Sua mãe, Josélia, trabalha na função de Serviços Gerais, mas o salário não é suficiente para sustentar a família. Além de cuidar dos irmãos, Cássio começou ainda adolescente, a trabalhar em pequenos serviços para ajudar no sustento. Hoje tem o coração grato, por ter tido esta oportunidade.

Outros adolescentes estão em fase de treinamento e outros ainda virão. Garantindo essa continuidade, estamos trabalhando com as empresas da região e mobilizando-as para que cumpram o seu compromisso social para com os adolescentes do nosso município.

Oramos para que esses primeiros jovens possam representar um número muito maior de pessoas que, através do trabalho, estarão tendo a oportunidade de se desenvolver e ser independentes. Que sejam cidadãos honestos, conscientes dos seus deveres e estejam preparados para superar os desafios que a vida lhes apresenta, servindo a Deus com alegria onde quer que estejam.

 

Que o Senhor o abençoe grandemente!

 

Débora Fahur | Diretora de Programas Sociais